EUA está em alerta vermelho após declaração de Trump sobre Israel

Dois mísseis já foram lançados de Gaza contra Israel

Nesta quinta-feira (07), o Departamento de Estado dos EUA anunciou um alerta mundial, principalmente aos cidadãos americanos, após o anúncio do presidente Donald Trump sobre a capital de Israel, Jerusalém, que gerou uma onda de retaliação por governos islâmicos e grupos terroristas em todo o mundo.

“Como parte dos contínuos esforços do Departamento de Estado para fornecer segurança aos cidadãos dos Estados Unidos que estão viajando para o exterior, revelaremos informações sobre medidas de segurança, atualizando-os com informações sobre as ameaças contínuas de ações terroristas, violência política e atividades criminosas”, informou o alerta do Departamento de Estado.

O escritor da Associated Press, Matt Lee, informa que esta é a primeira vez que um alerta mundial é emitido em resposta a uma decisão política dos Estados Unidos, desde a Guerra do Iraque em 2003.

Ainda, como resposta, os terroristas palestinos lançaram dois foguetes contra Israel a partir da Faixa de Gaza. Sirenes soaram em Israel e em vários locais no norte do país, informou um soldado israelense ao jornal Sputnik. Segundo o noticiário, Israel enviou um grande contingente de tropas à Cisjordânia após o reconhecimento de Jerusalém como capital.